EDITAL Nº 003/2016 - SELEÇÃO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS CAPES DE MESTRADO

EDITAL Nº 003/2016
SELEÇÃO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS CAPES DE MESTRADO
 
SÚMULA: Seleção de estudantes para a concessão de 3 (três) bolsas de mestrado no Programa de Pós-Graduação em Língua e Cultura da UFBA, cota institucional Capes.
 
A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Língua e Cultura (PPGLinC), da Universidade Federal da Bahia (UFBA), no uso de suas atribuições, torna pública a abertura de inscrições para a seleção de 3 (três) bolsistas de mestrado, cota institucional Capes, para estudantes aprovados e classificados nas Seleções de 2016.1.
 
1. REQUISITOS MÍNIMOS PARA INSCRIÇÃO
 
1.1 Do candidato
 
1.1.1        Ter sido aprovado e classificado na Seleção para ingresso em 2016.1 no Programa de Pós-Graduação em Língua e Cultura da Universidade Federal da Bahia (PPGLinC-UFBA).
1.1.2        Estar regularmente matriculado no PPGLinC .
1.1.3        Não ser beneficiário de qualquer outra bolsa de qualquer natureza.
1.1.4        Possuir currículo atualizado na Plataforma Lattes.
1.1.5        Não ter sido beneficiado anteriormente com outra bolsa na mesma modalidade solicitada.
1.1.6        Não ter vínculo empregatício e (ou) estatutário ativo de qualquer natureza, durante toda a vigência da bolsa concedida.
 
1.2 Do orientador
 
1.2.1 Ser professor permanente ou colaborador do Programa de Pós-Graduação em Língua e Cultura da Universidade Federal da Bahia (PPGLinC-UFBA).
1.2.2 Possuir currículo atualizado na Plataforma Lattes.
 
2. Das Inscrições
 
2.1 A candidatura deverá ser efetivada, presencialmente, até, às 16 horas do dia 21 de março de 2016 (segunda-feira), impreterivelmente, na Secretaria do PPGLinC, no Instituto de Letras, com o preenchimento de formulário próprio e apresentação dos seguintes documentos:
 
1-Formulário de Cadastramento de bolsista CAPES Demanda Social (DS).
2-Termo de Compromisso de bolsista CAPES Demanda Social (DS).
3-Cópia do documento de identidade do candidato.
4-Cópia do CPF do candidato (caso não exista no RG ou similar).
5-Comprovante de residência atualizado do candidato; Obs: Caso o candidato não tenha um comprovante em seu nome, deverá anexar algum documento que comprove a vinculação na residência.
4-Comprovante de Matrícula 2016 do candidato. OBS: Caso não esteja ainda matriculado, o candidato deverá trazer uma Declaração da Coordenação do Programa atestando a sua aprovação e informando a data para a matrícula.
5-Cópia do extrato de conta bancária do Banco do Brasil, comprovante de abertura de conta ou declaração do banco contendo o nome do candidato à bolsa como titular da conta, contendo os números da agência e conta corrente, incluindo respectivos dígitos verificadores.
                                  
3. Da Seleção
 
3.1 As candidaturas serão consideradas por área e linha de pesquisa, para estabelecimento de demanda qualificada.
 
3.2 A apuração da demanda qualificada definirá a ordem de classificação das linhas para a atribuição das bolsas e corresponderá ao produto obtido pela multiplicação do índice de 3,44, que equivale ao peso de cada estudante de mestrado classificado no cômputo geral da Seleção 2016.1, e o número de candidatos inscritos em cada linha.
 
3.3 As bolsas, após a aferição da proporcionalidade obtida no ponto 3.2, serão distribuídas em função do desempenho dos candidatos, exclusivamente em sua própria linha de pesquisa, considerando a média final e, em caso de empate, a seguinte ordem de prioridade: 1º critério: maior nota na prova escrita; 2º critério: maior nota no projeto; 3º critério: maior nota na prova de língua estrangeira.
 
3.5 Casos omissos serão decididos pela Comissão de Bolsas, especialmente constituída para tal finalidade.
 
Salvador, 16 de março de 2016
 
 
Américo Venâncio Lopes Machado Filho
Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Língua e Cultura